Clara em Singapura

Como já mencionei em alguns posts, o Thomas, meu marido, fez um EMBA pelo INSEAD e a formatura foi em Singapura em dezembro de 2017. Por sorte, estávamos em uma temporada  de 2 meses aqui em Xangai por causa do trabalho dele, e portanto, assim que o projeto dele terminou partimos para um tour-de-force de apenas 2 noites em Singapura.

Eu já havia ido à Singapura em 2006, e amei essas charmosa cidade-estado que apesar de pequena, possui uma diversidade étnica e cultural abusrda (são apenas 5 milhões de pessoas, mas o país possui 4 línguas oficiais) e é um dos maiories centros financeiros do mundo. Singapura é também uma cidade limpa, segura e famosa por suas leis super restritas.

Enfim, não preciso gastar muito tempo para falar que adoro Singapura, e que curti bastante a oportunidade de visitá-la uma segunda vez, desta vez em família e celebrando uma conquista tão importante.

Viajamos de Xangai à Singapura com a maravilhosa Singapore Airlines, que na minha humilde opinião, deixa qualquer outra companhia aérea no chinelo! Pousamos é claro no Aeroporto de Changi, que em si, já deveria ser um ponto turístico de Singapura: com infraestrutura impecável, ele foi eleito  o melhor aeroporto do mundo  pelo sétimo ano consecutivo. Mais do que merecido, para um aeroporto que oferece academia de ginástica, cinema e um jardim de borboletas (sim, você leu certo)!

Clara e eu no Gardens by the Bay

Assim que saímos do aeroporto (honestamente, estava sem pressa), fomos para nosso Airbnb, que ficava super bem localizado, pertinho do Lau Pa Sat, um prédio histórico construído em 1824 no centro de Singapura. Originalmente um mercado de peixes, hoje ele é uma grande praça de alimentação, com comidas do mundo todo com preços bastante justos e um dos principais pontos turísticos da cidade.

Após colocarmos as malas no apartamento e trocarmos de roupa (estávamos com roupas de frio por causa de Xangai e Singapura é um calor absurdo) e saímos para dar uma voltinha. Andamos pela charmosa e histórica Amoy Street, onde habitavam os primeiros moradores de Singapura cuja maioria veio de Fujian na China (em chinês, a rua se chama Xiamen jie. Xiamen é uma cidade na província de Fujian). Como a Clara dormiu no carrinho e caiu um pé d’água absurdo, nós achamos um barzinho local bem nessa rua e como ninguém é de ferro, pedimos um prosecco para comemorar a formatura!  Asism que a Clara acordou, fomos ao Lau Pa Sat jantar e voltamos para casa.

No dia seguinte, aproveitamos o dia para passear um pouco. Começamos caminhando por Fullerton Waterfront que tem vistas lindas, incluindo o famoso Marina Bay Sands, conhecido por ter a piscina mais alta do mundo (peraí que já chego lá).  Seguimos de lá para o Gardens by the Bay, um parque natural bem ao lado do Marina Bay Sands. O Gardens cobre uma área enorme onde há perfeita harmonia entre a natureza e a arquitetura moderna além de ser um exemplo de sustentabilidade. O porta-retrato desse lugar é com certeza a Doma de Flores, a maior greenhouse de vidro do mundo! Outra atração icônica são as Supertrees, com 25 metros e um verdadeiro show de cores quando as luzes acendem à noite.

Porém o grande sucesso do Gardens foi o Far East Organization Children’s Gardens, uma área dedicada somente aos pequenos, com parquinhos, paddling pools e várias atividades para os pequenos. Como não sabíamamos desse lugar, não fomos preparados para piscina ou paddling pool, mas com o calor que fazia, deixamos a Clara só de fralda e a colocamos para brincar na  água. Ela adorou!!!! Com certeza a melhor pedida para o calor de Singapura.

Clara no Far East Organization Children’s Gardens

Do Gardens, fomos para o Marina Bay Sands, onde fica a famosa piscina mais alta do mundo. Para ter acesso à pisicna é preciso se hospedar no hotel.  Mesmo sem acesso direto à piscina, o restaurante e skybar C’est La Vie, também na cobertura, oferece bebidas, comida e uma vista linda da cidade. Fomos para lá almoçar e outros colegas de turma do Thomas se juntaram a nós. Clara tirou um cochilo de 3 horas nesse dia e pudemos curtir muito o papo, o vinho e os amigos. Como um dos amigos estava hospedado no hotel, ele nos emprestou o cartão de acesso à piscina para tirarmos umas fotos na badalada piscina.

Marina Bay Sands

O dia seguinte, e tecnicamente o ultimo em Singapura, foi o dia da cerimônica de formatura que aconteceu no Shangri-la. Por sorte, havia sido organizado um serviço de baby-sitter para as crianças e eu pude deixar a Clara com as cuidadoras enquanto atendia a cerimônia. À noite foi o jantar e festa e para isso contratamos uma baby-sitter para ficar com a Clara no Airbnb. A noite foi maravilhosa, super divertida e pudemos curtir muito enquanto nossa pequena dormie tranquilamente em casa.

No dia seguinte, fomos novamente para o melhor aeroporto do mundo, para pegar um voo rumo a um dos meus lugares favoritos: a Tailândia! Mais uma viagem maravilhosa para um próximo post.

Agradecemos sua participação